<strong>O peregrino Joshua</strong>

O peregrino Joshua

Joshua é uma coluna com publicação semanal às quintas-feiras no Jornal Diário Regional e aos sábados no Jornal Folha do Mate.

Nela Rafael Lovato trata de temas cotidianos vivenciados por um velho peregrino, no início do século passado.

A série "O peregrino Joshua" está sendo publicada pela Editora Zap Book, e contará com ao menos 7 volumes, e que podem ser comprados no site www.zapbook.com.br

20 setembro 2013

As portas

Naquela ventosa e fria manhã de inverno, o peregrino Joshua resolveu permanecer na pensão do vilarejo de Gato Pardo, pois seu corpo precisava de descanso. Pensou que a cada ano que passava o frio lhe parecia mais e mais carrasco. No mesmo momento, questionou-se se não era seu espírito que se encontrava cansado e que não guardava mais o ardor de outrora. Mas, logo concluiu que, somente, envelhecia.

Sentado em uma poltrona na sala da pensão, com o cachecol enrolado no pescoço, sem demora uma jovem sentou ao seu lado. Após minutos de conversa, ela apontou:

– Em minha vida nada dá certo. Não consigo nada do que quero. Sou uma sem sorte.

– Não diga isso…

– Sou sim. Para algumas pessoas tudo funciona, conseguem o que querem… E eu, nada. Por quê?

Joshua se ajeitou na poltrona:

– Minha amiga, não a conheço o suficiente para opinar sobre o seu dia a dia. Mas, se eu falasse levando em consideração o que vi nesse mundo afora, diria que o problema podem ser as portas…

A jovem coçou a cabeça:

– Portas? Quais portas?

Joshua ajeitou a bengala entre os joelhos.

– Em nossa vida, todos os dias nos deparamos com portas que levam aos mais variados destinos. Muitas vezes nem as vemos, mas estão lá. Vendo-as, precisamos decidir se vamos ou não abri-las. Se resolvermos abrir, ainda devemos optar quais abriremos, e se passaremos ou não por elas. E, finalmente, caso não apreciarmos o que encontramos, ainda teremos a escolha de fechá-las ou não.

– Compreendi a ideia.

– Mas, devemos ter cuidado: muitas delas se abrem uma única vez…

– Hm… Não havia pensado nisso.

Joshua se inclinou na direção da jovem:

– Nesse mundo cão, a sorte não é randômica ou gratuita, e nem alcançar objetivos é obra do acaso. Certas portas dão muito trabalho para serem abertas. Outras, esforçam-se sobremaneira para se fecharem, e requerem muita paciência, atenção e tranquilidade para mantê-las abertas.

A jovem esboçou um sorriso.

– Sei muito bem do que o senhor fala.

– Nosso futuro é jungido às nossas escolhas, atitudes e condutas feitas no dia de hoje. Não há como colhermos frutos sem antes plantarmos a semente, cuidarmos e regarmos a árvore. Assim, quando nos encontramos descontentes com o rumo do nosso caminho, precisamos prestar atenção às portas ao nosso redor. E abri-las, e criaremos opções de novos caminhos.

– Entendi.

Joshua olhou nos olhos da jovem:

– Minha jovem amiga, lembre-se que mesmo a menos atrativa das portas aberta ainda assim carrega um potencial infinitamente maior do que a mais fabulosa das portas fechadas. E é por isso que uma pequena verdade lhe digo: abra as portas de sua vida, e se esforce para mantê-las abertas, pois, assim, jamais lhe faltarão opções.

"14" comentários em: As portas

  1. Rafael - 30 de setembro de 2013

    Via FACEBOOK
    Poetisa Flor Do Campo
    perfeitooooooooooooo

    • Rafael - 30 de setembro de 2013

      Bjão Poetisa

  2. Rafael - 20 de setembro de 2013

    Via FACEBOOK
    Joao Moacir Laufer Ferreira
    Abração Rafalel Lovato, meu irmão, grande mestre da escrita, o qual, também acompanho e muito.

    • Rafael - 20 de setembro de 2013

      Grande abraço meu bom amigo João!

  3. Monica Moraes - 20 de setembro de 2013

    Gostei muito! Bj Rafael.

    • Rafael - 20 de setembro de 2013

      Bjão Mônica!

  4. Rafael - 20 de setembro de 2013

    Via FACEBOOK
    Elaci Bencke
    OI RAFA!!!! adoro ler sua coluna…abraços

  5. Rafael - 20 de setembro de 2013

    Via FACEBOOK
    Heloiza Averbuck
    Adorei, Rafael!!! Muito bom 🙂

    • Rafael - 20 de setembro de 2013

      Bjão Heloisa!

  6. Rafael - 20 de setembro de 2013

    Via FACEBOOK
    Bagual Klein
    Muito bom, Rafael !

    • Rafael - 20 de setembro de 2013

      Valeu!

  7. Rafael - 20 de setembro de 2013

    Via FACEBOOK
    Daisi Godoy
    Gosto das tuas crônicas, adorei, muito real é bem por ai.Parabéns!

    • Rafael - 20 de setembro de 2013

      Bjão Daisi!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *