<strong>O peregrino Joshua</strong>

O peregrino Joshua

Joshua é uma coluna com publicação semanal às quintas-feiras no Jornal Diário Regional e aos sábados no Jornal Folha do Mate.

Nela Rafael Lovato trata de temas cotidianos vivenciados por um velho peregrino, no início do século passado.

A série "O peregrino Joshua" está sendo publicada pela Editora Zap Book, e contará com ao menos 7 volumes, e que podem ser comprados no site www.zapbook.com.br

1 agosto 2014

Noturno

 

O peregrino Joshua deixara para trás o vilarejo de Serra miúda, e naquele entardecer se encontrava andando por uma estrada vicinal. Como o clima estava nublado e prometendo chuva, procurou abrigo, o que encontrou em um celeiro na beira da estrada.

Ao adentra-lo, percebeu que um homem se encontrava lá dentro, certamente também se abrigando para a noite. Joshua o cumprimentou e sentou ao seu lado, e o homem, sem cerimônia, pegou uma viola e cantou.

– …Hoje só confio em mim mesmo. Não acredito na ingenuidade da paixão, e minhas lembranças são ilusões. Ai, ai, ai esse coração sozinho, só quem pode me ajudar sou eu mesmo. Ai, ai, ai…

Após terminá-la, largou a viola ao seu lado e comentou:

– Linda, não é mesmo? – Ao que Joshua concordou com aceno de cabeça. O homem prosseguiu: – Mas, sabe, eu nunca consegui entender exatamente o que quer dizer. O senhor que ouviu toda a letra, o que pensa sobre ela?

Joshua ajeitou a bengala entre os joelhos.

– Penso que essa música fala de todos nós: de nossas desilusões, da falta de esperança, do coração sofrido, dos momentos de solidão em que muitas vezes nos encontramos. Também me fez questionar a vida em si, as dúvidas, o vazio que experimentamos em nosso âmago quando questões não são como gostaríamos que fossem…

O homem bateu a mão no joelho.

– Mas é isso mesmo. E ela me deixa triste, às vezes, quando a canto. Chega a me dar vontade de chorar. Isso é normal?

– Meu amigo, não refreie seus sentimentos. Mas, lembre-se que é nestes momentos que você deve reforçar a si mesmo que tudo passa. Que não pode desistir de lutar, e, principalmente, que jamais deve abandonar o seu próprio eu.

O homem coçou a cabeça.

– Como assim?

– Para um viver harmonioso, é indispensável acreditarmos em nós mesmos, apesar de, muitas vezes, nos sentirmos como se estivéssemos na escuridão, desprotegidos, sem luz para nos guiar.

– Sim! O nome dessa música é Noturno. Veja só. Mas, às vezes a gente se sente com vontade de chorar e desistir. O senhor não sente, também?

Joshua olhou para o homem.

– Assim como em todos os dias há noites, também, em nossas vidas, de tempos em tempos, enfrentamos a falta de luz, de discernimento, de alegria. E assim é o viver.

– Tá, mas, e aí o que fazemos?

– Assim como o sol, todas as manhãs, acode as noites, entregando luz e calor, não diferente é em nossa vida. Basta percebermos que, mesmo na mais escura das noites de nossa existência, a aurora nos espera a um abrir de olhos de distância.

– Como assim?

– Meu amigo, neste mundo tudo é passageiro se não nos apegarmos à escuridão ou à auto piedade. Todos nos entristecemos em algum momento, pois a dor, a perda, a solidão, são fatos da vida, e dos quais não podemos fugir – e Joshua olhou nos olhos do homem. – Mas, minha verdade lhe digo: a conquista do amanhecer, da alegria, do amor, do lugar ao sol, somente depende de você abrir seus olhos. Pois, asseguro-lhe, todos os dias o sol nasce e aguarda a oportunidade de iluminar e aquecer a sua vida.

"12" comentários em: Noturno

  1. Rafael - 2 de agosto de 2014

    Via FACEBOOK
    Elaci Bencke 🙂

  2. Rafael - 2 de agosto de 2014

    Via FACEBOOK
    Tereza Gibson
    RAFAEL QUE JESUS TE CUBRA DE BENÇÃO !!!

    • Rafael - 2 de agosto de 2014

      Beijão Tereza!

  3. Rafael - 2 de agosto de 2014

    Via FACEBOOK
    Josiane Bülow Dumke
    Bom dia!! Rafael Lovato. Lindo 🙂

    • Rafael - 2 de agosto de 2014

      Beijos Josiane!

  4. Eliene lima - 1 de agosto de 2014

    Sábias palavras!!

    • Rafael - 2 de agosto de 2014

      Beijão Eliene!

  5. Rafael - 1 de agosto de 2014

    Via FACEBOOK
    Sonia Maria da Silva
    Verdade.

  6. Rafael - 1 de agosto de 2014

    Via FACEBOOK
    Heloiza Averbuck
    Sempre belas as palavras do peregrino Joshua!

    • Rafael - 1 de agosto de 2014

      Beijão minha querida Heloiza!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *